5 problemas gerados nas empresas pela falta de técnica dos colaboradores

Por mais que a taxa de desemprego no Brasil se apresente elevada, as empresas ainda “penam” para contratar profissionais técnicos e capacitados. E sabe por quê?

Porque, por um tempo, devido ao aquecimento da economia, as empresas passaram a contratar pessoas sem ao menos avaliar suas competências técnicas. Elas traziam para si a responsabilidade em treinar e capacitar essas pessoas.

Entretanto, todo esse empenho gerava (e ainda gera) sérios problemas para as empresas. E é sobre isso que vamos falar mais a partir de agora.

PROBLEMA 1 – Tempo de treinamento e capacitação

O problema mais sério (e caro!) é, sem dúvida, o período de treinamento e capacitação desses funcionários. A empresa precisa dedicar um staff para treinar e capacitar esses novos contratados e também planejar um eficiente Programa de Treinamento e Desenvolvimento.

PROBLEMA 2 – Assumir os custos dos erros

A empresa pode até contratar esses profissionais por salários menores, mas isso não quer dizer que terá benefícios com isso. Sem contar os custos com treinamento, a empresa ainda terá que colocar na ponta do lápis os custos com erros, perdas, avarias e tudo mais que pode ser ocasionado por falta de técnica.

PROBLEMA 3 – Desmotivação dos demais colaboradores

A partir do momento que novos funcionários são contratados, os “antigos” – logicamente – terão que dedicar-se a treiná-los. E isso, possivelmente, gerará desconforto. É por isso que o programa de treinamento deve ser eficiente e com planejamento bem claro sobre como e quem fará a gestão desse conhecimento.

PROBLEMA 4 – Oferecer profissionais técnicos para o mercado

Olhe a situação: a sua empresa contrata profissionais sem conhecimento técnico. Eles passam por um período de treinamento e de aplicação prática desse conhecimento, depois disso, “saem” da empresa à procura de novas ofertas de trabalho.

E aí? Bom, ninguém está livre desse problema, mas nem por isso a sua empresa deve deixar de contratar e de treinar, afinal de contas, a saída desse profissional – se ocorrer – pode ser motivada por outras questões a serem “trabalhadas” pela empresa.

PROBLEMA 5 – Velocidade de produção, entrega e resultados

Sem dúvida nenhuma que profissionais técnicos e preparados gerarão maiores resultados para a empresa. Mas, quando não se tem, é preciso colocar no planejamento estratégico da companhia esse tempo de “maturação” dos profissionais.

Por conta disso, nem sempre a velocidade de produção, entrega e resultados será condizente com a expectativa do negócio. Então, deve-se, para não se frustrar, considerar esse problema e buscar resolvê-lo da melhor forma.

 

 

Fique por dentro dos demais conteúdos do nosso blog!

Além disso, que tal curtir e seguir nossas redes sociais?

 

Deixe seu comentário: